TOMA: Juiz do DF nega pedido de Temer para processar Joesley

Do Correio Braziliense:

O juiz Marcus Vinicius Reis Bastos, da 12ª Vara do Distrito Federal, negou o pedido feito pela defesa do presidente Temer de processar por calúnia e difamação o empresário Joesley Batista. A ação havia sido apresentada nseta segunda-feira 19/6) pelo advogado Renato Oliveira Ramos, alegando que o empresário, na entrevista concedida à revista Época, caluniou o presidente ao afirmar que este é o “chefe de uma quadrilha perigosa” e que exigiu dele dinheiro para financiar campanhas do PMDB.
De acordo com o despacho do juiz, Joesley apenas repetiu na entrevista o que havia dito na delação premiada aprovada pelo MPF. E que por isso não tinha intenção de caluniar o presidente.
A defesa ainda está analisando a decisão, mas provavelmente deverá recorrer ao próprio juiz Marcus Vinicius ou ao Tribunal Regional Federal da 1ª região.
Outra ação, esta no âmbito civil, corre contra Joesley, solicitada também pelo presidente Temer. O peemedebista quer o ressarssimento por danos morais das acusações que sofreu. Essa ação tramita no Tribunal de Justiça do DF (TJDFT).
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s